Categorias: Pele Por Bia Munstein

minha experiência com anticoncepcional de uso contínuo / cezarete

No dia do post sobre meu tratamento para espinhas com Azelan mencionei rapidamente que fazia uso do Cerazette como pílula anticoncepcional. Como surgiram algumas dúvidas a respeito dele resolvi fazer um post desse modicamente que pra mim tem sido de grande valia.

Pra começar é preciso esclarecer pra quem não sabe que cerazette é um anticoncepcional contínuo, daqueles que a gente não menstrua quando toma. Conhecido por alguns como “mini pílula”.

O motivo de ter escolhido esse tipo de pílula foi devido a famosa TPM. Eu sofria de dores horríveis, de chegar a ter enjoos de tanta dor, o único remédio que acaba com minha cólicar fortíssimas era ponstan (anti-inflamatório). Se eu menstruasse e não tivesse ele por perto era choro na certa. Já voltei pra casa algumas vezes aos prantos de tanta dor.

Outro fator importante associado a TPM era o mal humor. Nem eu me suportava!! A coisa era feia mesmo rs

Enfim, a recomendação do médico foi suspender a menstruação (cheguei tomar óleo de prímula, mas não resolveu muito)

Como-Escolher-a-Pílula-Anticoncepcional-Certa

Minha experiência com Cerazette:

Nos dois primeiros meses foi um inferno! A TPM vinha e como eu não menstruava ela não ia embora, isso quase me fez desistir do medicamento. Quando reclamei com o médico ele disse que era normal “se não tinha menstruação a TPM não ia embora, simples assim” eu quase perguntei se ele estava louco, mas percebi o pouco caso em dar maiores explicações e preferi trocar de médico. Afinal ele tinha receitado o medicamente justamente por causa da TPM, certo?

Enfim, a outra médica me recomendou usar Gestinol mas não achei em nenhum lugar e decidi dar mais um chance pro cerazette. Sábia decisão! A partir do terceiro mês a TPM sumiu, as cólicas, o mau humor, tudo. Eu era uma mulher livre e com humor estável durante todo mês.

E sigo tomando ele por quase 5 anos (dou puma pausa uma vez por ano, menstruo e volto a tomar logo em seguida).

Dúvidas sobre cerazette:

Dá espinha? Com certeza aumenta a incidência em quem já tem propensão. Mas nunca pensei em parar de tomar por conta disso, o benefício é muito maior. O que e penso as vezes é em tentar o Gestinor, mas voltar a menstruar nem passa pela minha cabeça.

Ficar sem menstruar faz mal? De modo algum, na verdade faz até bem. O corpo feminino não foi feito para menstruar, ele foi feito para engravidar! Ou seja, ficar menstruando todos os meses, anos sem fim, pode causar endometriose, uma das maiores causas de infertilidade. Segundo ginecologistas mais renomados não menstruarp reserva a fertilidade feminina.

Cerazette é um anticoncepcional fraco? Tem risco de engravidar? Se comparado as pílulas comuns, especialmente as mais baratas, ele é sim um anticoncepcional “mais fraco”, porém não do ponto de vista de eficácia e sim de efeitos colaterais. Com ele eu não tive ganho de peso por exemplo, comum em outras pílulas. A eficácia é como todo anticoncepcional: 99,5%. Mas claro que por ele ser mais leve há que se ter mais atenção. Tomar todos os dias e aproximadamente no mesmo horário é importante.

Uma coisa muito curiosa sobre o Cerazette que preciso compartilhar é que pra mim só funciona se eu comprar a cartela separada. Quem usa sabe que ele também é vendido em embalagem com três cartelas, e é mais barato. Não me perguntem porque, mas sempre que tomo esse eu menstruo várias vezes no mês. É muito estranho porque eles afirmam ser exatamente o mesmo remédio mas já fiz o teste 3 vezes e em todas as 3 eu menstruava. Era só voltar pro de cartela única que o sangramento cessava. Vai entender…

E é isso meninas, tirando a parte das espinhas estou muito feliz com meu Cerazette! Caso eu resolva trocar para o Gestinor volto aqui pra contar.

 

*Cerazette é um medicamento e não deve ser usado sem orientação médica. Principalmente por suspender a menstruação.

Artigos Relacionados

daniela

11 de junho de 2015 - 10:49

Oi Bia, eu tomei Cerazetti e não me adaptei, daí troquei por Gestinol e uso à uns 6 anos, mas faço pausa a cada 4 cartelas, não tenho do que reclamar. Não sinto nada, nem TPm, nem espinhas e nem cólicas! Bjs

Marinea

10 de junho de 2015 - 11:43

Oi Bia! Uso o Cerazette e para mim ele é ótimo. Minha TMP é fraquinha, menstruo pouco (muito menos do que quando tomava) e mais importante: no meu caso não altera em nada a minha incidência de espinhas. Legal você compartilhar sua experiência.

Priscila

9 de junho de 2015 - 23:18

Cerazette foi o anticoncepcional que minha obstreta receitou após o parto para não prejudicar a amamentação. Usei 3 anos e amamentei por 1 ano e meio. Nunca tive problemas com ele.

Aline

31 de maio de 2016 - 13:42

Priscila vc chegou a menstruar pois estou tomano a uma semana fiquei 1 dia sem tomar e minha menstruação já FÃ dois dias que está descendo

Martha

9 de junho de 2015 - 21:35

Olá Bia comecei a usar o Cerazette há pouco tempo (antes usava o Microdiol, porém ele faz mal para quem tem diabetes tipo 1). A minha médica já tinha avisado que nos primeiros meses ia ficar menstruando. Nossa, só na terceira cartela menstruei durante 18 dias!!!! E engordei também (porém acho que não é do remédio e sim da má alimentação). E sobre as espinhas, nossa como apareceram. Fiquei assustada, mas se continuar vou voltar nela para ver o que ela acha. Beijoss!!!!!!!

Bruna

4 de outubro de 2016 - 22:06

Oiii martha. Entao eu to tomando a um mes e poco sem da a pausa dos 7 dia agora to com medo pq nao deceu minha menstruação mais nao esqueci nenhum dia e nada da minha mestruaçao sera que é normal minha mestruaçao nao vim oq acha so que eu to tendo escaps de corrimento marrom … To com vontade de termina a cartela e para de tomar oq vc acha martha pode me ajuda nesaa pergunta que é normal nao deser minha mestruaçao tomando o cerrasete..

Bárbara

9 de junho de 2015 - 18:58

Ola realmente cada pessoa é diferente mesmo, tomei gestinol por 3 anos sem parar era maravilhoso, ai o médico me recomendou mudar para cerazette, depois de 5 meses tomando certinho todos os dias na mesma hora , fiquei grávida , quase morri de susto, quase matei a médica kkkk.
Beijos

Elidiane

9 de junho de 2015 - 18:53

Oi Bia! Achei muito legal você trazer um assunto como esse aqui no blog, mas assim como já foi dito aqui nos comentários, não acredito que o uso contínuo de anticoncepcional seja bom. Também não sei se foi seu médico que informou que é melhor a mulher não menstruar, mas não acredito muito nisso. O que sei é que as pílulas estão cada vez mais modernas, e com isso nos ajudam muito, como no seu caso, mas causam também muitos problemas como perda da libido, trombose,inchaços e etc. Há pouco tempo minha prima aos 21 anos teve trombose venosa aguda por causa do Yasmin, e quase morreu! E pra ser sincera estou com muito medo. Tomo selene há 4 anos e meio, mas perdi totalmente a libido e estou pensando seriamente em mudar ou parar com o anticoncepcional. Devido a tantos transtornos acho que cada um deve analisar se vale a pena tomar ou não. Bem esta é a minha opinião, cada um tem a sua e cada corpo reage de um jeito. Mas o bom mesmo seria que não precisássemos recorrer a este método!
Beijos linda!

Thatyane

15 de julho de 2016 - 9:28

Bom dia Meninas estou aqui no blog pra saber opiniões sobre o medicamento…
Eu sou fumante e o medico me receitou esse remédio exatamente pra evitar trombose ou algum problema vascular.
Tenho microcistos nos dois ovários onde me foi receitado também para tratamento, foi fazer uso durante 6 meses e depois repetir todos os exames para ver se ouve uma melhora…
Pretendo engravidar ano que vem então já irei nesse mês dar inicio ao tratamento.
Volto pra contar minha experiencia daqui alguns meses…
Bom dia a todas…

Monique

9 de junho de 2015 - 18:42

Bia eu tomei esse anticoncepcional enquanto amamentei. Ele não deixa o leite secar como os outros, gostava muito dele, porem minha medica recomendou mudar depois pq alegou que ele era mais fraco, e como não quero engravidar por agora de novo troquei ele pelo Mercilon que é ótimo. Mas uns tempos atrás dei uma pausa e passei uns 6 meses sem tomar, e gente, UE maravilha tudo mudou para melhor… Fiquei menos inchada, as celulites sumiram quase totalmente, tive um rendimento melhor no meu treino na musculação, ganhei mais massa muscular e perdi gordura, mantive a mesma dieta e treino de sempre, porem sem o anticocepcional percebi uma evolução melhor. Descobri que muitas meninas pararam de tomar pelo mesmo motivo que o meu na academia, me disseram q a maior parte das atletas tbm fazem isso. Mas como não posso ficar arriscando e meu marido estava reclamando já de se prevenir sempre voltei a tomar o Mercilon. O bom dele que limpa minha pele tira as espinhas e parte da oleosidade, mas no verão vou cortar o remédio de novo…

Camila Oliveira

9 de junho de 2015 - 17:17

Olá Bia… mesmo nao comentando sempre nao deixo 1 só dia de visitar seu blog. Eu tomava o Bellara a 10 anos mais comecei a ter escapes antes da cartela acabar. Então minha medica me orientou a trocar pelo Tâmisa 30. Iniciei ontem vamos ver o que dá. Também com o Bellara estava sentindo muita enxaqueca e dor nas pernas…. espero me adaptar a este pois trocar de remedio dá aquele medinho né? kkkk bj linda

Caroline Pereira

26 de agosto de 2016 - 0:16

Oi, Camila!
O que seria os escapes que você disse ter?
Eu estou tomando o Cerazette desde que meu filho nasceu. Há uns 15 dias atrás comecei a sentir fortes dores nas pernas e cólica.
Ontem tive um corrimento marrom?
Será que é do remédio?
Estou numa pilha pensando que estou grávida novamente, kkkk.
Obrigada!

Isabella Lucca

9 de junho de 2015 - 15:16

Bia, eu sofria muito no periodo menstrual…
Sempre tive muita colica, enxaqueca, inchaço extremo…. sem contar as dores da endometriose mesmo fora da epoca.

Tentei inclusive anticoncepcional de uso continuo, mas meu inchaço continuava (meu seio pulava do sutiã 46 para o 50).
Hoje uso o DIU Mirena.
Não tenho mais periodo menstrual, nao tenho dores, nao tenho inchaço e minha endometriose está controlada.

Caso você queira parar esse anticoncepcional, analise a possibilidade de colocar o Mirena.
É ótimo!!!

Beijos

Maria Gabriela

9 de junho de 2015 - 13:22

Eu acho que esse assunto de anticoncepcional é muito delicado, até porque cada corpo reage de uma forma diferente. É bom que você tenha compartilhado com a gente bia, até porque eu nem sabia que esse anticoncepcional existia hahaha Eu nunca me dei com anticoncepcionais, tomei o yas por uns 2 anos e meio e eu tinha TPM eterna, daquelas que não passam nunca, um mal humor terrível, irritabilidade e perda da libido. Parei por um tempo e comecei a usar o Belara, pois li que era fraco assim como supostamente o yas deveria ser, e virei uma bola, eu ganhei 6 quilos em 6 meses tirando o inchaço que deixava meu corpo meio que sem forma (isso porque eu era super magra e não engordava por nada). No fim parei e estou sem tomar anticoncepcional, odeio os efeitos que esses remédios causam em mim, parece que eu não sou eu mesma. Enfim, amo seu blog e sempre te acompanho! ❤

Isabella

9 de junho de 2015 - 12:48

Oi, Bia, acompanho seu blog há um tempão e gosto muito de você. 🙂
Falar sobre assuntos referentes ao corpo feminino é maravilhoso, quebra tabus e traz informações importantes. Porém, o que eu achei equivocado foi o fato de você afirmar que a menstruação não faz bem e que é bom ficar sem menstruar. Não sei se seu médico lhe informou isso, porque sei que muitos pensam assim. Acontece que o corpo da mulher é perfeito, a menstruação deve sim ocorrer mensalmente e tomar anticoncepcional ininterruptamente pode trazer inúmeros problemas como perda da libido, inchaço, sérios problemas para engravidar, trombose, entre outros. Sei que tem muitas mulheres que optam pelo uso contínuo do AC, mas interrupções sintéticas nos processos naturais do corpo nunca são a melhor opção. O bom mesmo seria se pudéssemos não utilizar tal método.
Espero que tenha entendido minha colocação.
Beijos.

Juhh Gonçalves

9 de junho de 2015 - 12:47

Ola Bia, tudo bem?
Tomo o Cerazetti a quase 1 ano, compro sempre a caixa com 3 cartelas e nunca menstruei. Minha medica me receitou por causa de miomas e TPM, só não adiantou pra enxaqueca (dois dias no mês, quase não saio da cama).
Adoro seu blog.
Bjuss

Silvana Santos

9 de junho de 2015 - 12:17

Oi Bia.
Bom eu já troquei tanto de anticoncepcional que já até perdi as contas pois todos me dão acne (bom já sou propensa a acne dese sempre) mais já tomei esse só troquei porque ficaram enchendo minha cabeça dizendo que eu ia engravidar que esse é para quem esta amamentado. Agora tomo mesigyna. Não menstruo mais em certa época do mês parece que fico de TPM mais em 3,4 dias os sintomas desaparecem. É a vida da mulher moderna né kkkkk

Michele Azevedo

9 de junho de 2015 - 12:03

Oi biaa, eu tomo o Gestinol, a quase 5 anos pelo mesmo motivo que vc, fortes dores , passava muito mal ao ponte de ficar internada , ele e muito bom, não tem efeito colateral nenhum , ao menos em mim, e aqui na minha cidade e quase o mesmo preço do cerazette , a única coisa que me incomoda nele e que eu não consigo engordar, kkk acho que a culpa e dele beijo linda te adoro

Anônimo

9 de junho de 2015 - 12:02

A minha experiência com esse anticoncepcional foi desastrosa, na terceira caixa tive que parar pois ele me deixava muito irritada, tão nervosa que parecia que eu ia da um ataque cardíaco, eu não gostei não fora as fortes dores nas pernas.

Camila

9 de junho de 2015 - 12:00

Tomei o Cerazette por cerca de dois anos, e comigo não foi tão bom assim, não. No inicio ele era incrivel, as dores da TPM foram embora (eu tambem só ficava bem tomando ponstan nos dias criticos). Mas depois de todo tempo tomando, nos ultimos meses eu sangrava durante a cartela, tinha dores abdominais horriveis sem motivo, ai decidi parar o tratamento, hoje estou tomando anticoncepcional por injeção, uma vez por mês, e é uma maravilha, alem de não esquecer de tomar, as dores não acontecem e o fluxo da menstruação é muito pequeno e dura no maximo dois dias. Maravilha.
Pra você ver, que cada corpo reage de uma forma diferente aos medicamentos.

Renata Campelo

9 de junho de 2015 - 11:50

Bia, faço uso do Selene. Comecei a tomá-lo para regular meus hormônios e tratar espinhas. Sempre me dei bem… até casar! Sofro com diminuição da libido, estou buscando uma solução para esse problema. bjs

Gislene

9 de junho de 2015 - 11:50

Nossa que bom que você adaptou com ele! Eu engordei demais quando eu usei. Mas anticoncepcional tem disso né? Pra umas mulheres dão certo e para outras não. Por isso que é muito importante ir ao ginecologista e junto dele ir mudando a medicação conforme a necessidade. Beijos!!

Camila B. Tavares

9 de junho de 2015 - 11:41

Venho usando o Cerazette a 8 anos sem intervalos, para mim é ótimo, não tenho nenhum efeito colateral e pretendo continuar até a ”meno” rsrs bjus

Lana

9 de junho de 2015 - 10:22

Bom saber o teu relato Bia 🙂 sempre tive problemas com anticoncepcional, não sofro tanto com cólicas, mas sempre tinha alguma coisa que não dava certo. Então minha ginecologista me receitou o Iumi (ou Yas, é a mesma coisa) por ele ser mais fraco também e deu super certo, uso a quase 4 anos e apesar de ele ter 4 dias de pausa, não fico menstruada. No começo me apavorei e voltei lá, mas ela disse que era normal, pois ele procura preservar os óvulos e evitar endometriose, fico menstruada a cada 6 meses mais ou menos. Fica a dica se precisar trocar algum dia hehe Beijos ♥

"Dedico o trabalho neste blog, assim como toda a minha vida, ao nosso Senhor e Salvador Jesus Cristo, que vive e Reina para todo o sempre. Amém!"