Categorias: cabelos, Loiras, Produtos Testados Por Bia Munstein

 

Bom dia, meninas!

Desde que eu fiz o post sobre o Alloplex que várias de vocês ficaram me pedindo para testar o “original”, Ollaplex, que é um produto importado e meio difícil de encontrar por aqui.

Meu próximo retoque de luzes ainda esta distante, mas prometo fazer um esforço para conseguir o produto e testar. Enquanto isso uma leitora super querida -que também tem um blog- vai nos contar como foi sua experiência com o Olaplex original.

O relato esta super completo e bacana! Vale a pena conferir!

ollaplex

Olá meninas, aqui é Daniela do blog Pra lá de Bonitas.

Eu estava muito ansiosa para testar o Olaplex, e agora que tive essa oportunidade, a Bia me convidou para fazer esta resenha aqui no Eu vou de Rosa contando para vocês a minha opinião (obrigada, Bia).

A proposta do produto:

Olaplex é a garantia de que você possa oferecer ao seu cliente níveis de clareamento nunca antes alcançados. Ele pode ser utilizado em todos os processos químicos capilares, assim você pode usa-lo com seu sistema de coloração atual ou com qualquer outro de sua preferência.

Todos os clareadores e cores são projetados para quebrar as ligações de dissulfeto do cabelo. Se você não romper essas ligações, você não pode clarear ou aplicar cor. Olaplex multiplica e reconstrói essas ligações tornando-as mais fortes.

 

Como tudo começou: Uma semana antes eu tinha descolorido meu cabelo em casa utilizando o Blond Me, o fio ficou integro,  mas a cor não abriu como eu desejava, ressecou um pouco, mas na mesma semana fazendo 3 tratamentos eu já havia recuperado bem o cabelo. Essa foto abaixo mostra o antes e depois da descoloração com Blonde Me, ainda sem o Ollaplex.

foto2Foto da esquerda é de antes de descolorir e da direita tratado após a primeira descoloração.

Então para corrigir eu decidi que iria em um salão aqui de Curitiba com um dos profissionais mais requisitados quando o assunto é loiro. Como eu já havia feito uma descoloração na semana anterior, optamos por usar o Olaplex o que adicionou R$200,00 ao valor do procedimento.

No salão foi utilizado o passo 1, que é misturado ao descolorante e o passo 2 já no lavatório atuando como um reconstrutor. Na foto abaixo eu mostro como eu gostaria que meu cabelo ficasse e como meu cabelo realmente ficou.

foto3Foto da esquerda era meu objetivo (não é meu cabelo) e da direito é o resultado no meu cabelo

Minha opinião: Eu fiz duas descolorações em uma semana, então creio que o Olaplex ajudou a não deixar o cabelo emborrachado demais, mas minha conclusão é que não dá para esperar milagres quanto a cor! Mesmo eu tendo passo por uma descoloração antes dele, ele não conseguiu abrir o tom do modo que eu gostaria, que era um tom perolado.

Meu cabelo ficou bastante sensibilizado e as pontas ficaram elásticas. E como disse ainda não consegui o tom que eu desejava.

A impressão que fiquei foi que o Olaplex retarda o tempo da descoloração, fazendo com que o pó descolorante possa ficar mais tempo no cabelo, mas não dá para achar que qualquer pessoa irá chegar no tom de loiro desejado com ele, principalmente se o cabelo é de difícil abertura e se já temos um cabelo que vem recebendo químicas, como era meu caso (meu cabelo é castanho escuro).

Essa foto abaixo, a esquerda, é do meu cabelo na lavagem depois da descoloração. Seco ao natural, onde dá pra notar que ele estava precisando muito de cuidados! A foto da direita é como ele está agora, após muito tratamento. Detalhe: logo após o processo fiz reconstrução com o CPR da Senscience.

foto4

 

——————————-

E aí meninas, o que vocês acharam? Eu amei o post da Dani! Ficou super completo e ela mostrou bem todos os lados do produto.

E Dani, não fiquei triste porque o cabelo que era seu objetivo parece ser mega na parte de baixo! 😉

Visitem o blog da Dani!

 

Artigos Relacionados

Márcia araujo

20 de novembro de 2016 - 19:35

Vou testar o Fibreplex da Schwarzkopf , pois dizem que é a versao melhorada do Olaplex: recupera mais e não diminui a eficacacia do descolarante+oxigenada.

Alessandra

13 de setembro de 2016 - 19:29

Obrigada pela resenha! Estava disposta a comprar fracionado e levar para a cabeleireira… mas, como se trata de um produto relativamente novo e ainda não ser usado por aqui a onde eu moro, após ver a resenha, acabei desistindo de comprar… não que o cabelo tenha ficado ruim, mas é que no caso do meu cabelo, Além de eu estar preocupada com as quebras, também não estou muito contente com os tons que ele tem ficado nas últimas vezes que eu fiz luzes… daí já viu né… como sou eu que estou levando o produto e a cabeleireira nem conhece o produto ainda, qualquer probleminha que der, ocupado sempre será o produto.

Alessandra

13 de setembro de 2016 - 19:31

* o culpado

Francine

14 de abril de 2016 - 15:10

Não acho que o cabelo ficou assim devido a descoloração anterior muito próxima. Vi uns vídeos da Youtuber Renata Meins em que ela conta o uso do Olaplex, o que aconteceu com o cabelo dela e o sacrifício para recuperar. Pelo jeito o produto não é nada do que promete!

Naiara

29 de março de 2016 - 22:24

Adoro aa resenhas do blog, eu msm sendo profissional da área gosto de procurar uma segunda opinião, a descoloração é um dos processos químicos mais agressivos que existe, que exige tempo e paciência…nada é 100% milagroso, eu queria muito que vocês fizessem uma resenha com produtos em conta e com um bom resultado pra recuperar cabelos elásticos!! Bjs e obrigado

Neila

13 de março de 2016 - 19:38

Ótima resenha, parabéns por mostrar como o cabelo fica ao natural, acho que é o que todas querem saber, já que saindo do salão sempre fica bonito, né!?

Adriana Rodrigued

11 de março de 2016 - 23:32

Parece otimo mesmo!!!
O cabelo da Dani ficou lindo!
Bjo

Paula

11 de março de 2016 - 8:26

kd, meu comentário?

Bia Munstein

11 de março de 2016 - 11:54

pare de fazer propaganda e comentar com nomes diferentes que eles serão publicados 😉

Nany

10 de março de 2016 - 21:50

Bia, mesmo depois de uma descoloração com olapex é interessante fazer uma reconstrução né?! Pois bem, vc já ouviu falar da máscara Total Repair Extreme da LOREAL? Acho q ainda não vende no Brasil mas ela veio com a promessa de ser a versão mais barata da Absolut Repair. Será que ela e tão boa como a versão profissional?! Espero q em breve vc possa resenhar pra gente! Abç 😉

Bia Munstein

11 de março de 2016 - 11:55

sim, é sempre importante tratar e muito! se eu achar a máscara eu testo 😉

Isabella

10 de março de 2016 - 16:10

Olaplex me parece ser algo otimo para nao estragar os cabelos, mas infelizmente o Olaplex não deixa o cabelo abrir tanto.
Tem um cabeleireiro nos EUA (Guy Tang) que usa muito e sempre diz em seus videos que uma ox de 40 se usada com olaplex, equivale a uma ox de 30.
Então o olaplex tira a potencia da ox….

Bjs

yasmin n

10 de março de 2016 - 14:20

OHMYGOD! Como é caro ser loira!!! Mas..Incrivel seu cabelo após duas descolorações não ter atingido um loiro mais claro,( mas já esta bem bonito) e vc usou bons produtos … Seu cabelo era virgem? Pq eu me lembro de quando fazia luzes meu cabelo ficava loiro branco, e olha q eu usava descolorante vagabundo, e meu tom de cabelo é o mesmo q o seu….

Daniela

11 de março de 2016 - 9:18

Olá Yasmin, sim, meu cabelo estava virgem na parte de cima e descolorido na parte de baixo… Ele realmente tem abertura bem dificil, nunca puxa para o loiro branquinho rs, o Olaplex era minha esperança, mas continuarei tentando!!

thais

10 de março de 2016 - 13:37

Boa Tarde Bia! esse mês vou fazer o retoque das minhas luzes e já compre meu ALLOPLEX versão brasileira do produto, comprei tbm a máscara schwarzkopf repair recuse a de reconstrução, comprei a máscara e oléo sillitan da bio, cm vc resenhou esses dias, com esses produtos vc poderia me informa se consigo protege bem meus fios da descoloração, pois estou no projeto Rapunzel e não ter que corta lo. será que preciso de mais alguma coisa?

Bia Munstein

10 de março de 2016 - 13:52

fara um ótimo tratamento sim! só faltou um shampoo para matização da cor 😉
bjod

Renata Campelo

10 de março de 2016 - 13:35

Descolori o meu cabelo essa semana.. ele é cacheado. Perdeu todos os cachos, ficou super elástico,.. cabelo igual das bruxas de filmes sabe? sem brincadeira! Mas ja melhorou uns 50%..fiz reconstrução com glicopan pet e vou nitrir com óleo de coco hoje! amei o post.

Élida Patrícia

10 de março de 2016 - 10:05

Amei o post da Daniela sempre acompanho o pra lá de bonita amoo , Bia você é uma querida sempre atenciosa com suas leitoras .

Samylle

10 de março de 2016 - 10:05

Minha flor, cadê o post sobre as preferidas de hidratação e nutrição??? to aguardando ansiosamente !! Beijooos

Bia Munstein

10 de março de 2016 - 10:29

gente to atrasada mesmo né? esse mes tem que sair rs
bjos

Carol

10 de março de 2016 - 9:56

Eu estava pronta apagar muito para usar ele em um salão aqui de Porto Alegre, mas depois de ver o resultado na Renata Meins, que tem o cabelo escuro como o meu, desisti completamente. Acho que é mais fácil para essa Dani que fez, pois o cabelo dela já é claro e não precisa de um ox tão alto para abrir esse tom lindo que ficou..beijos!

Patrícia

10 de março de 2016 - 8:29

Bom, eu também fiz uma descoloração com o Olaplex esse final de semana… Confesso que meu cabelo que sempre abria poucos tons e permanecia alaranjado abriu muito mais (tenho o cabelo castanho claro). Eu nunca havia feito uma descoloração tão grande no meu cabelo, então não sei em que estado ele ficaria sem o Olaplex… Mas quando usava luzes, ele ficava bem ressecado…
Minha opinião é a de que ele ajudou bastante, especialmente a descolorir bastante sem danificar. Mas não esperem milagres…

"Dedico o trabalho neste blog, assim como toda a minha vida, ao nosso Senhor e Salvador Jesus Cristo, que vive e Reina para todo o sempre. Amém!"