Categorias: cabelos, Reconstrução Por Bia Munstein

img_0526

Oi amores!

Segundona e eu já com tratamento de choque nesse blog! Porque segunda tem que ser assim mesmo: pá, já foi! Se pensar muito não sai nem da cama! hehe

Antes da descoloração -retoque das luzes- eu gosto de sempre de fazer um tratamento mais intensivo. Não que ele resolva o problema do cabelo que não recebeu nenhum tratamento entre um retoque e outro, mas fornece aquela capa protetora pro fio e também serve como “remediação” caso você não tenha cuidado muito do cabelo ultimamente. Um carinho antes do castigo, rs.

Tratamentos entre os retoque de toda química é essencial! Deve ser feito rigorosamente, no mínimo uma vez na semana. Intercalando sempre entre hidratação, reconstrução e nutrição. Avaliar a saúde do fio antes de submetê-lo a outra quimica também é de vital importância.

img_8158 img_8172 img_8161CPR Senscience tamanho profissional

Mas voltando ao meu caso, mesmo tratando sempre dos fios gosto de fazer um tratamento de choque vez ou outra, especialmente antes e logo após a química. Dessa vez escolhi o CPR da Senscience que é um reconstrutor de porosidade, e atua internamente na fibra de maneira forte e profunda. (o meu é tamanho salão, mas é o mesmo produto da unidose)

Ele tem duas etapas de tratamento, que eu identifico a primeira como reconstrutora e a segunda como super nutrição. Uma coisa que gosto de falar sempre que menciono CPR é que ele não é um produto pra deixar o cabelo lindo no dia da aplicação!

Ele é PESADO!  90% das vezes que usei meu cabelo ficou igual vocês veem nas fotos, acho que a única vez que não ficou foi na resenha que fiz aqui, porque o cabelo estava mega poroso (na verdade quanto mais poroso o cabelo está, mas ele absorve o tratamento e menos oleoso fica)

 

Para o cabelo não ficar oleoso você deve ser cautelosa no passo 2! Dividir o cabelo em mechas bem grossas -tipo umas 8 divisões na cabeça toda- aplicar o produto só da orelha pra baixo -rigorosamente- e aplicar pouquinha quantidade. Assim o cabelo não fica oleoso!

 

Eu mesma não sigo essas dicas porque gosto de aplicar normalmente e não ligo do cabelo ficar oleoso 3 dias. Eu gosto de saber que estou potencializando o tratamento!

Pra finalizar o CPR é mais indicado para cabelos POROSOS,  último grau de dano antes dele ficar elástico! Aliás é ótimo para fios elásticos também, só não é indicado para fios que não estejam muito danificados.

Resenha: Senscience CPR reparador de porosidade da cutículaimg_0527

O passo a passo da aplicação esta completíssimo no vídeo, mas deixo explicado abaixo pra quem não puder ver:

  1. aplicação consiste em lavar bem o cabelo com shampoo de sua preferência,
  2. aplicar o passo 1 mecha a mecha, deixar agir 5 minutos sob fonte de calor (use um saco plastico pra proteger o cabelo, enrole com papel alumínio e direcione o secador de cabelo em baixa potência. Ou use touca térmica se tiver),
  3. aplicar o passo 2 -sem enxaguar o passo 1- deixar mais 10 minutos sob fonte de calor,
  4. enxaguar e secar como de costume (pode aplicar um leave in de sua preferência e caso vá fazer escova protetor térmico).

*Você pode aplicar o CPR até uma vez por mês para fios muito danificados.

*o shampoo que eu usei foi esse anti-resíduos aqui.

*a escova azul é essa aqui.

 

Confira o vídeo:

Onde encontrar: Tem aqui na Beleza na Web.

Artigos Relacionados

Tati

21 de dezembro de 2016 - 2:54

Eu achava que ficava pesado pq não estava precisando.
Uma vez fiz em mim e na minha mãe o meu ficou um sebo e o dela ficou otimo.
Bjs

Bia Munstein

22 de dezembro de 2016 - 13:26

Quanto mais dano menos fica pesado mesmo

Anônimo

19 de dezembro de 2016 - 23:10

Meu cabelo eu fiz luzes no domingo ..e ele está muito claro e elastico! O que posso fazer me ajuda

Giuliana

19 de dezembro de 2016 - 17:22

Oi, Biaa!
Sempre consulto suas resenhas antes de investir em novos produtos para o cabelo. Da linha da Senscience eu uso a Inner Restore, mas estou em uma fase complicada com o cabelo. Estou em transição há 3 anos (!!!) e não tenho coragem de cortar a parte que ainda tem progressiva, apesar do meu cabelo ser super longo… Fiz mechas há pouco tempo e os fios estão super quebradiços, me bate um desânimo! E para secar então… as fotos que você postas às vezes fazendo piada sobre a escovação super me representam!
Você acha que vale a pena investir nessa linha? Também uso a Joico Moisture Recovery e a K Pak (só usei uma vez após as luzes, medo do cabelo ficar rígido!).
Você disse que no seu cabelo ficou pesado… Você acha que existe maior probabilidade de acontecer isso quando as mechas estão concentradas do meio para as pontas dos fios (os fios no topo da cabeça estão mais saudáveis e precisam de menos tratamento)?
Eu adoraria novos textos sobre transição capilar… afinal o que é pior, a progressiva ou a escovação excessiva para compensar as texturas diferentes do cabelo?

Beijos!!!

Bia Munstein

22 de dezembro de 2016 - 13:30

Flor se vc tem receio da kpak não invista no cpr! Ele é muito mais forte… talvez a penetraitt seja pra vc! Já considerou? Minha dica é cortar logo essas pontas! 3 ano elas já devem estar muito em baixo! Vc vai ver a vida nova do seu cabelo! ?

"Dedico o trabalho neste blog, assim como toda a minha vida, ao nosso Senhor e Salvador Jesus Cristo, que vive e Reina para todo o sempre. Amém!"