Categorias: cabelos, Loiras Por Bia Munstein

img_8531

Eu tenho uma história longa para contar pra vocês e confesso que nem sei muito bem por onde começar… acho que pelo título seria bom porque já dá o tom, né?

Então lá vai: o dia em que eu quase fiquei morena!

Eu fiz uma caca tão grande no meu cabelo, numa sucessão de erros tão bizarros, com resultados tão inacreditáveis, que realmente  faltou pouco pra eu perder a paciência e pintar tudo de preto. Fui fazer o “esfumado” na raiz que falei no post do retoque e acabei com o cabelo todo manchado…

Vamos do começo pra todo mundo entender?img_0620cabelo “antes” com o Retoque contour 

img_6560-horz

O cabelo ficou bom no dia do retoque, mas que mais estava me incomodando no meu retoque “contour” era essa visão de cima, com essas mechas bem no estilo Vampira do X-Man. Como meu fundo é escuro acho que essas mechas mais largas não ornaram e no cabelo mais sujo ficavam muito marcadas.

Então além de resolver o problema do dourado que deu no início das mechas -e nem incomodava tanto- eu queria suavizar essa transição do loiro para o castanho.

A ideia era simples: tonalizante no tom do fio, aplicado muito cuidadosamente, somente nessa divisão.

Lembrei que o Gil tinha aplicado Color touch 5 na época daquelas manchas, lembram? -pode ir clicando nos links pra ler depois que abre tudo em outra aba- Fui na perfumaria e pedi o produto. Quando vi o preço achei meio caro 40 reais por um tonalizante e uma ox de 10 e perguntei se tinha outro similar, afinal eu não ia usar nem metade da metade, era só um dedinho da franja (meu primeiro e pior erro foi ser pão dura). Ela falou pra levar da Aquaflora SÓ QUE na cor 06 porque a marca era mais “escura” e tinha que ser sempre um tom abaixo. Acreditei e troquei o tom (segundo erro).

Apliquei bonitinho, somente no encontro da descoloração e deixei agir. Até gravei porque queria mostrar tudo pra vocês. Só que minha raiz ficou MARROM! Não sei o que houve, mas um tonalizante teve o poder de abrir minha raiz pro marrom, provando que a troca do tom foi uma completa furada! (essa etapa eu não fotografei, sorry…)

Meu terceiro erro/ ou onde a vaca foi pro brejo: eu já tinha visto várias dicas na internet de consertar manchas em cabelo loiro e até mesmo matizar com tinta preta. Aposto que vocês também já viram… Eu sempre ganho tinta das assessorias de imprensa então eu tinha uma tinta preta nº2 a mão. A genia pensou: vou dar um susto com tinta preta, só para quebrar esse marrom. Aplico só onde esta aparecendo (onde eu parto o cabelo) deixo alguns segundo e tiro. Nem vai doer! hahaha como eu estava enganada! Doeu até na alma.

img_8492

O cabelo ficou LARANJA! Alguém me explica isso peloamor? No instante que apliquei já ficou laranja, aí eu não sabia se tirava ou se deixava, mas a m* já estava feita, deixei um minuto pra ver no que dava. Pois a tinta foi infiltrando pela mecha loira e chegou laranja até quase a metade do cabelo. Aí não aguentei esperar mais nada e tirei.

Claro que não saiu lavando, ficou laranja… E sem falar que como era uma tina com amônia -não era tonalizante- irritou meu couro cabeludo.

Nesse ponto eu confesso que os olhos já estavam marejados e eu desejando estar num sonho.. foi tudo muito rápido e eu não conseguia entender bem como eu tinha chegado naquele laranja florescente, que só fazia vir na minha na cabeça aquelas lesmas horrorosas. (Ecaaaa! Pavor dessa lesma, tenho uma história horrível com ela).
Quarto erro: Meu marido estava na rua e eu liguei pedindo pra ele trazer uma color touch pra eu pintar tudo de preto. Nessa hora o cabelo estava tão aceso que eu achei que o 5 não cobriria, então pedi pra ele trazer o 4.

img_8424 img_8428

o cabelo estava todo manchado, com um lado laranja, o outro marrom, luzes encardidas, eu não sabia o que fazer… passei o 4, só na franja, tentando preservar o máximo que desse de loiro. Deixei uns 10 minutos e tirei porque estava ficando PRETO! E ficou mesmo… ficou super escuro, mas deu pra encarar o parentes no natal. (é amiga, era natal! Segura essa! rs).

O cabelo estava uma caca disfarçada, não havia mais o retoque na franja, e eu passei o natal sensualizando de mamãe noel (só na toquinha vermelha).
Como comecei a consertar tudo: Aqui eu simplesmente poderia ter cometido mais um série de erros, mas eu queria muito consertar a caca que eu mesma tinha feito. Tive vários impulsos de correr pro Gil, mas eu me senti envergonhada. Como assim uma pessoa que indiretamente trabalha com cabelo, consegue fazer uma trapalhada dessas? Eu tinha que ajeitar, era questão de honra!

Sem falar que chegando lá, muito provavelmente, ele ou iria fazer luzes por cima e eu ia continuar com aquele fundão mega preto na franja, ou ele ia fazer decapagem e pintar de novo. -medo de decapagem-

Colocando minha cabecinha metade loira/metade morena pra funcionar eu decidi usar o dekapcolor, fazer o cabelo voltar ao marrom lá do inicio do tonalizante 6 -porque o cabelo abriu o tom, ele nunca ia voltar a cor natural- e depois tonalizar novamente com a cor certa.

img_8493

Foram duas aplicações do dekapcolor e o resultado foi esse que vocês veem acima. Saiu todo “preto” e ficou esse acobreado aí. Eu quase deixei assim e fui pro Gil, o medo era enorme, mas eu sabia que ele ia simplesmente tonalizar com 5 e pedir pra eu voltar outro dia para as luzes. (foi assim da outra vez, ele não descoloriu onde tinha tonalizante). Então eu respirei fundo e decidi fazer eu mesma essa parte da tonalização.

img_8632

Pensei: eu tenho um tonalizante tom 6 e um tom 4. Juntando os dois em proporções iguais a gente faz um tom 5. Só que melhor ainda: como meu cabelo fica entre um 6 e um 5 eu poderia fazer um 6,5. hehe Coloquei um pouco menos de 4 na mistura, em vez de fazer 1:1, só para escurecer um pouco o marrom do 6.

img_8533-horzNotem que agora o cabelo esta mais claro por baixo e mais escuro por cima

img_8556img_8531(favor não reparar nos cabelos brancos. Grata!)

A cor ficou bem próxima do meu tom natural, muito próxima mesmo, acho que pra ficar perfeita eu teria que ter colocado um tico a menos de 4 na mistura. Mas como sabemos essa cor vai desbotar com as lavagens… 

Isso pra mim é a pior parte. Saber que só vou me livrar disso quando cortar todo essa parte tingida. A parte tonalizada sempre vai abrir diferente na descoloração, sempre vai desbotar, enfim… essa coisa de tinta escura em cabelo loiro é quase uma maldição.

Sempre que vejo na internet os profissionais botando tinta “da cor da raiz” pra esfumar o cabelo ou cobrir mancha já ficou imaginando o que a pessoa vai passar depois quando começar desbotar.

Agora meu retoque na franja praticamente que sumiu, ainda tem um pouco de marrom ali no meio, mas eu preferi não ir muito com o tonalizante pra baixo porque daqui uns dias eu vou retocar as luzes em todo cabelo. Vou esperar só o cabelo se recuperar e vou no salão (no mínimo uns 20 dias).

E pra finalizar é isso pessoal! Por isso eu sempre corri de esfumar a raiz cabelo, sempre tento fazer as luzes bem feitas, com um excelente descolorante, pra ficar só o cabelo natural e o descolorido, sem nada de tinta ou tonalizante. (mesmo sabendo que o problema maior foram os erros todos que aconteceram, mesmo só esfumando certinho depois ia desbotar).

 

Muito decepcionadas comigo? Eu estava morrendo de medo -e também de vergonha- de contar pra vocês o aconteceu. Estou até agora sem acreditar nisso tudo que passei, rs!

 

Quem quiser conferir “em movimento” deixo o vídeo abaixo:



Artigos Relacionados

Keiti

2 de Janeiro de 2017 - 10:30

Bia que sufico!
Só acho que vc ñ deveria praticar mais fazer luzes em casa ou com a vizinha enfim… ja que na maioria das vezes mancha e no fim vc acaba voltando pra um profissional,o que devia ter procurado desde o início. O valor que gastou com totalizante e tinta pra reverter isso ja dava pra usar no salão pras luzes né!

Bia Munstein

2 de Janeiro de 2017 - 12:59

Certíssima!! Mas é a vontade de saber fazer?? Meu sonho! Porque aí a gente faz do jeitinho que quer 🙁 quem sabe um dia

Anônimo

2 de Janeiro de 2017 - 10:29

Coragem viu, por isso a gente treme sempre na cadeira qdo ta clareando novamente, tbm sou contra o esfumado pq depois fica uma m*, é não ha dinheiro q chegue… bjos Bia fique relax, somos tds humanos e é permitido errar, e admitir é ato de grandeza.

Bia Munstein

2 de Janeiro de 2017 - 13:00

Que linda! Obrigada pelo apoio <3

Vanessa

2 de Janeiro de 2017 - 10:21

Parabéns Bia, conseguir arrumar um cabelos manchado, não eh pra qq um. Cada vez te admiro mais

Bia Munstein

2 de Janeiro de 2017 - 13:00

<3 arrumaaaaar foi bondade sua, mas a gente disfarçou bem rs

Pati

2 de Janeiro de 2017 - 9:48

O esfumado é um processo sutil feito com tonalizante e ao desbotar vai ficar “feio”apenas se a cor do cabelo já estiver “feia” antes dele. Seu cabelo fica feio qdo desbota o efeito do shampo silver? Então, é mais ou menos esse o raciocínio. Cobrir raíz manchada é diferente de esfumar. Corrigir erros/ manchas de descoloração é diferente de esfumar. Um esfumado correto feito sob luzes corretas/ bem feitas não irá influenciar na execução das próximas mechas.
No mais, parti do princípio que vc havia “estudado” algum material antes de fazer a técnica – tem vídeos de excelentes profissionais no You Tube. ( vídeo “caseiro” não conta)
Enfim, perplexa me define.

Joyce P. G.

2 de Janeiro de 2017 - 8:42

Meninaaaa… olhando a foto do depois de tudo isso, você nem fala o que aconteceu! Você conseguiu fazer milagres! E nas vésperas de Natal!!! Sei como é visualizar um laranjao no espelho por caca própria!! Parabéns pela coragem e determinação, deu certo!!
Ótimo ano!
Beijinhos

"Dedico o trabalho neste blog, assim como toda a minha vida, ao nosso Senhor e Salvador Jesus Cristo, que vive e Reina para todo o sempre. Amém!"