Categorias: cabelos, Loiras, Reconstrução, Retoque de luzes Por Bia Munstein

Como prometi hoje vou explicar tudo que fiz para ter aquele resultado de cor e tratamento que mostrei ontem!

Bora?

Começando pela cor!

Assim que retirei o descolorante, somente com bastante água, eu apliquei o shampoo Grey da Loreal e deixei agindo por 10 minutos. Tem dele aqui na Beleza na Web. Ele e o Silver, também da Loreal, são meus favoritos há anos e dão o mesmo efeito.  O meu Silver é  aqui da Beleza na Web,  mas no momento está mais barato aqui na Empório Charme.

Eu vou intercalando os dois pra nenhum acabar primeiro, rs.

Eu também usei o mesmo shampoo na lavagem total do cabelo depois do tratamento, então ele foi utilizado uma vez só no cabelo descolorido e mais uma vez no cabelo todo.

 

Agora vamos falar do tratamento:

Como comentei ontem a coisa ficou meio complicada porque descolori o cabelo praticamente todo e umas partes que já estavam bem fraquinhas ficaram elásticas…

Eu não me desesperei e parti para ação. Assim que tirei o shampoo matizador, com cabelo ainda na touca, decidi fazer um CPR da Senscience só naquela parte descolorida, que era onde estava o dano.

-O CPR é um reparador de porosidade. Se você não sabe como aplica o CPR tem post completíssimo dele aqui.

Eu tenho o CPR de litro, por isso eu usei sem dó, mas acho desperdício usar uma unidose só para isso, então você poderia ter usado qualquer máscara reconstrutora que tivesse em casa.

Outra coisa bacana a ser feita nesse caso seria passar um acidificante no lugar da máscara porque acidificar/baixar muito ph do cabelo, é uma das melhores coisas para cabelos elásticos.

O certo é que de todo jeito tem que passar algum creme depois do shampoo e antes de tirar a touca, então já aproveitei para começar a tratar.

A gente vai lavar depois, eu sei, mas de toda forma ajuda! Pode confiar 😉

Então retirei a touca ainda com o passo 2 do CPR no cabelo e parti para lavagem completa dos fios.

O que usei na primeira lavagem, após retirar a touca:

A linha que escolhi usar foi a All Soft da Redken, que é uma linha simplesmente maravilhosa, que atua na hidratação profunda do cabelo e levemente na reconstrução. Mas o cabelo não precisa de muita reconstrução nessa hora? Sim, mas eu queria fazer uma espécie de cauterização no final, então não podia abusar.

-Minha linha All Soft é daqui da Empório Charme.

Lavei uma vez com shampoo All Soft, outra vez com shampoo matizador que falei no início, depois de enxaguar bem apliquei a máscara All Soft, deixei agir por 10 minutos e enxaguei bem.

No cabelo enxuto com a toalha eu comecei a “cauterização”, entre aspas porque não usei chapinha. Fiz aplicando o Ciment Thermic da Kerastase, mecha a mecha, conforme ia escovando. Podia ter passado a chapinha se quisesse, ele é ideal para isso. Realmente forma uma “cola” no cabelo, cimentando os fios, daí o nome. O meu é daqui.

Outro leave in que você pode usar para fazer exatamente a mesma coisa e que é muito mais barato é a queratina em Gel da Charis, que usei no último retoque completo. Tem dela aqui.

 

E assim consegui recuperar a parte elástica do cabelo praticamente toda já na primeira vez! <3

-em tempo: todos os produtos citados já tiveram resenha aqui no blog, então se quiser saber mais é só colocar o nome (ou uma parte dele) na busca. Exemplo: se você quer buscar “ciment Thermique” coloque só “ciment”

Clicando na tag “retoque de luzes“, você navega pelos retoques anteriores, vendo tudo que foi feito e produtos que foram usados. É incrível como cada retoque eu tenho um resultado totalmente diferente, rs.

 

 

Artigos Relacionados

Categorias: cabelos, Loiras, Retoque de luzes Por Bia Munstein

Bom dia, amores!! Passaram bem o feriadão? Espero que sim 🙂

Eu sei que tinha quase jurado que não mexeria mais nas luzes até o final do ano, mas aquela raizona preta estava me incomodando demais! O último retoque que fiz foi somente topo, tem uns dois meses, e pro meu azar não pegou bem justamente onde eu queria, que é onde reparto o cabelo na lateral. Então isso me influenciou bastante adiantar o retoque completo que eu ia fazer só mais pro fim de ano.

Mas não vou ficar enrolando muito e vou logo pros detalhes pra não ficar outro post enorme! Aliás está tuuuudinho no vídeo que gravei, então se puder sugiro que assista 🙂

Retoque de luzes global na touca | feito em casaRetoque de luzes global na touca | feito em casa

Como eu fiz o retoque: bom, como já é de costume sempre que faço minhas luzes em casa eu retoquei as luzes na touca de silicone! Eu estava bem tentada a retocar no papel no salão, MAS no papel não dá para aplicar primeiro na raiz e depois no restante, sacrificando menos o cabelo que já esta descolorido. O descolorante é aplicado em todo cabelo e fica agindo o tempo todo em toda extensão dos fios.

Na touca eu tenho a facilidade de aplicar o descolorante na raiz -apliquei um palmo mais ou menos, onde estava escuro-, deixar agir uns 20 minutos, aplicar no comprimento após esse tempo, deixando mais uns 30 minutos, e aplicar nas pontas somente nos 10 minutos finais.

No total ficou agindo aproximadamente 1 hora (eu já deixei até no máximo 1 hora e 15).

Assim o cabelo sofre menos e tem MUITO menos chance de ficar elástico!

Quais produtos eu usei para descolorir: usei o de sempre, mas para quem esta chegando agora foi o descolorante Premiun Lift Blonde Me da Schwarzkopf, que abre até 9 tons e tem coloração azulada. A água oxigenada da mesma linha volume 30. A mistura é sempre 1 parte de descolorante para duas de ox. Não pode ficar mole demais para não entrar nos buraquinhos da touca, mas duro também não clareia bem.

Antes de aplicar o descolorante eu também uso o pre-lift, da mesma linha, que ajuda proteger o cabelo.

A touca é de silicone, suuuper velha, e a agulha de crochê eu uso duas, uma mais fina (6- 1.00mm)  outra levemente mais grossa (ela só marca o número 15, não tem os mm). A mais fina eu deixo com o marido porque ele tem a mão mais pesada e acaba sempre puxando mechas mais grossas, rs. Porém essa parte do topo que vocês veem foi puxada com a mais grossinha, de 15 eu puxei mechas mais grossas porque queria clarear muita quantidade de cabelo.

Vou falar do tratamento e matização amanhã, tudo bem? Eu fiz vááárias coisas, rs! Se não quiser esperar está tudo no vídeo.

Retoque de luzes global na touca | feito em casa Retoque de luzes global na touca | feito em casa

Gostaram do resultado?

Eu amei e estou super satisfeita! A cor não ficou nada acinzentada, repararam? Acham que ficou melhor assim ou preferem mais platinado?

Abaixo deixo o vídeo (caso não abra clique aqui):

 

 

-em tempo: estou indo hoje para Angra dos Reis -esperei passar o ferido, rs- mas teremos posts normalmente. O lugar é maravilhoso! Me acompanhem lá no meu Instagram (euvouderosa) que vou postar várias fotos 🙂

 

Artigos Relacionados

Categorias: cabelos, desamarelador, Loiras, Produtos Testados Por Bia Munstein

Bom dia, amores! Como foi o final de semana? Espero que tenha sido bom 🙂

Na última matização que fiz no cabelo testei essa máscara matizadora da Widi care que já estava aqui em casa há um bom tempo e eu nunca tinha usado. Então vou contar o que achei dela no post de hoje!

Ela vem nesse potinho simpático com 300gr de produto -que é mais que a maioria- e custa aqui 36,90 na Época Cosméticos (através deste link ela tem 20%off saindo por 29,50).

Veja descrição do fabricante:

Com frutos amazônicos, shitake e vitamina E, a Máscara Matizadora Eu Quero Loiríssimo! de Widi Care remove o amarelado com sua ação antioxidante e hidratante. Além disso, neutraliza o tom amarelado promovendo brilho intenso e efeito platinado suave.

 

Widi care | eu quero loiríssimo 

Usei assim: lavei duas vezes o cabelo com shampoo comum porque queria ver bem o resultado da máscara, porém máscaras matizadoras podem ser combinadas com o shampoo matizador. Depois de enxaguar o shampoo apliquei a máscara em todo cabelo, até um tiquinho na raiz porque precisava matizar tudo. Deixei agindo 3 minutos porque o fabricante recomenda de 3 a 5.  Enxaguei bem e sequei como de costume.

O que eu achei: primeiro quero falar que a máscara tem um cheirinho de frutas maravilhoso! Adocicado e meio cítrico do jeito que eu gosto.

A textura e a cor dela de cara me lembrou a Biocale que é super famosa para matização, porém difícil de encontrar –já até fiz post dela aqui no blog-.

A cor da Eu quero loiríssimo é bem forte e assusta um pouco a princípio. Dá aquela impressão que vai acinzentar mega rápido o cabelo, porém não é isso que acontece! A matização dela é gradual e mesmo sendo bem escura ela não acinzenta demais. Gostei dessa parte porque num cabelo mais claro você pode aplicar sem pressa que não vai chumbar, e num cabelo mais amarelo/laranja pode deixar agindo mais tempo. Eu diria que até mais tempo do que o fabricante recomenda.

Falando sobre a hidratação ou ressecamento a máscara da Widi Care é muito nutritiva! Ela não só não resseca o cabelo como pode pesar se seus fios forem muito finos e não estiverem secos ou ressecados. Isso é incomum num produto matizador que normalmente pode causar ressecamento.

O meu cabelo acabou ficando pesado porque passei o produto na raiz -que também precisava ser matizada- então nesse caso o ideal seria ter usado um shampoo matizador somente na raiz e a máscara no comprimento. Essa é uma ótima saída para quem sente o shampoo ressecar as pontas.

 

Não posso esquecer de mencionar que a máscara não tem sulfato, parabenos, petrolatos ou silicones!

 

Resumindo eu gostei da versatilidade da máscara e pretendo voltar a usar quando meus fios estiverem recém descoloridos e por sua vez mais ressecados. Aliás faz de conta que não falei nada, mas eu acabo de descolorir mais meu cabelo, rs! Mostrei aqui no meu Instagram.

 

Onde encontrar: tem aqui na Época cosméticos com 20% de desconto através deste link.

 

Artigos Relacionados

Categorias: cabelos, Loiras, Retoque de luzes Por Bia Munstein

Ontem no post do retoque das luzes prometi que hoje falaria do tratamento e da matização que fiz após o processo de descoloração.

Cumprindo a promessa cá está o post com todos os produtos que usei! Vou aproveitar pra tirar algumas dúvidas que vocês sempre tem sobre o processo de matização após as luzes.

Bora? Então vamos!

Retoque das luzes: tratamento e matizaçãoshampoo Silver Loreal e máscara Forza Colore Tec Italy

Assim que termino de enxaguar o descolorante o cabelo fica amarelo claro. Esse é o tom ideal! O cabelo nunca vai sair branco do descolorante, por isso é necessário matizar. Por outro lado o cabelo também não deve sair dourado, laranja ou amarelo gema de ovo, se o seu objetivo for um loiro claríssimo, porque a matização não vai clarear mais o cabelo, ela apenas anula o tom.  Por isso muita gente reclama de não conseguir um tom claro/platinado. O segredo esta na abertura do fio: Tem que deixar abrir bem!

Os produtos da foto foram os que usei dessa vez:

  • Shampoo Silver Loreal (que todo mundo sabe que é meu preferido) Tem online aqui.
  • e máscara matizadora Lumina da Tec Italy. (não achei online)

 

Eu gosto de matizar meu cabelo com shampoo ou máscara, não uso tonalizante porque acho que danifica mais -apesar do efeito de matização durar mais também-. Já fiz minha matização dos dois modos -com e sem química- e continuo preferindo shampoo ou máscara. Mas isso é pessoal.

 

Eu costumo usar somente o shampoo Silver, que também dá muito certo, porém dessa vez usei ele combinado com a máscara porque tinha um restinho dela e queria acabar.

Usando só o shampoo a gente retira o descolorante com água enxaguando beeeem, e aplica o shampoo matizador sem retirar a touca. Deixa agir 10 minutos e enxágua novamente. Aí como foi aplicado um shampoo, para retirar a touca é bom aplicar um condicionador antes para não quebrar os fios e aí sim retirar com cuidado.

Dessa vez eu optei por usar a máscara e assim dá pra pular a etapa do condicionador. Apliquei a máscara no lugar do shampoo -sem shampoo antes, só enxaguando-, deixei agir por 10 minutos e já retirei a touca com o cabelo bem emoliente do creme. Essa máscara da Tec Italy é SUPER pigmentada! Então ela pode deixar umas mechinhas de cor lilás no fio. Tem que ter atenção com ela e talvez até diluir em creme branco.

 

Retoque das luzes: tratamento e matização

O próximo passo, não importa se usou shampoo ou máscara, é lavar todo o cabelo e fazer o tratamento do fio.

Esses foram os produtos que usei:

shampoo e condicionador penetraitt sebastianshampoo e condicionador Penetraitt Sebastian

-Eu sou louca nessa duplinha! <3

Lavei todo o cabelo com o shampoo Penetraitt, para retirar a sujeira e oleosidade do cabelo, e na segunda lavagem usei o Silver da Loreal para igualar o tom (pra não ficar matizado só as luzes novas). Lavei todo cabelo com ele, mas deixei agindo uns minutos só nas pontas porque a raiz já havia sido matizada.

Depois do enxague foi hora do tratamento em si! E escolhi usar o Uso Obrigatório da Truss porque é um produto para usar entre o shampoo e o condicionador.

 

É um tratamento excelente, deixa o cabelo super sedoso e é reconstrutor! Ele tem Arginina, cisteína e creatina na fórmula -que são aminoácidos-, queratina vegetal  e ainda óleo de monoi do Taiti.

 

Você borrifa no cabelo após o shampoo, deixa agir por 5 minutos, enxágua e finaliza com o condicionador.

Recomendo muito esse produto porque é versátil e realmente funciona. É o melhor produto da Truss que já testei! O bom também é que você pode usar mais de uma vez na semana, no banho mesmo, durante a lavagem normal.

Tem dele pra vender online aqui. (ps: minha embalagem ainda é a antiga)

 

E foi assim que corrigi a cor e tratei o cabelo após o retoque das luzes! O cabelo ficou ótimo! Não sentiu nadinha. Nem com frizz eu fiquei. 🙂

 

Onde encontrar os produtos usados: todos os meus foram adquiridos pela internet. Deixei todos os links de onde encontrar cada produto ao longo do post, enquanto descrevia cada um.

 

Confira também o vídeo onde falo do retoque e mostro como ficou (caso não abra clique aqui):

 

 

Artigos Relacionados

"Dedico o trabalho neste blog, assim como toda a minha vida ao nosso Senhor e Salvador Jesus Cristo, que vive e Reina para todo o sempre. Amém!"