Categorias: cabelos, nutrição, óleos, Sem categoria Por Bia Munstein

O óleo de coco virou febre tanto nas dietas quanto no cuidado com os cabelos, mas o que muita gente não sabe é que se tratando de tratamento capilar  ele não serve apenas para fazer umectação.

Então no post de hoje vou explicar de quais formas você pode tirar o melhor proveito do seu óleo de coco!

 

Como usar óleo de coco no cabelo: dicas

No cabelo seco: Pode parecer suspeito, mas se você tem fios ressecados será de grande valia aplicar algumas gotinhas do óleo nas pontas do cabelo depois de seco. Como se fosse um reparador de pontas, da mesma forma que fazemos com os famosos e já saturados “óleos de argan”, que na verdade são 90% silicone -ou mais-. Claro que o óleo puro engordura se aplicado em excesso, mas 3 gotinhas na palma das mãos, friccionando bem pra aquecer e depois aplicado nas pontas ajudam demais a combater o ressecamento. E você vai ver que o cabelo absorve em alguns minutos.

Outro modo de usar o óleo de coco no cabelo seco é na já famosa e reconhecida umectação! Você também pode conhecer como nutrição, que na verdade é o que o óleo faz pelo cabelo: nutrir!

 

Umectar é o ato de embeber o cabelo seco em óleo e deixar pausar por um tempo mais longo.

 

O ideal é deixar a noite toda e lavar normalmente pela manhã, mas caso isso seja impossível pra você deixar 2-3 horas já será suficiente para colher bons resultados.

Se você não esta por dentro do que é umectação e ficou interessada eu já fiz um post ensinando fazer aqui no blog e explicando pra que serve. 

 

Na hidratação para fios cacheados e secos: eu já ensinei vocês fazerem uma super nutrição usando óleo junto com a máscara. Só que na ocasião eu usei um óleo com silicone volátil pra evitar pesar os fios e dar mais sedosidade. Porém se você tem fios cacheados e secos pode se beneficiar demais do up no poder de nutrição e até controle de volume usando óleo de coco misturado a sua máscara de tratamento.

-Misture poucas gotas somente na porção que vai usar e faça o tratamento como esta acostumada. O óleo deixa a máscara mais nutritiva e ainda ajuda deixar o cabelo mais domado. Fiz muito isso na minha adolescência de cabelo cacheado (meu cabelo é super cacheado pra quem não sabe).

Aqui também vale a dica de aplicar gotas do óleo puro no cabelo! Pode ser no cabelo seco ou molhado, como se fosse um leave in. Vá dosando a quantidade e vendo qual efeito prefere.

Alisamento dos fios: muita gente acredita que o óleo de coco possa alisar os fios. Eu não concordo exatamente com a palavra alisamento, mas sim ele ajuda disciplinar um cabelo ressecado porque atua na causa do problema que é o ressecamento. Aliás  essa é uma dica que sempre dou pra quem me pede o “segredo” pra deixar meu cabelo tão liso fazendo somente escova, sem chapinha: a dica é sempre a mesma! Hidratar o cabelo sempre, inclusive antes de escovar. Cabelo ressecado não segura a forma lisa por muito tempo!

Voltando ao alisamento eu fiz um post contando minha experiência de 6 meses usando o óleo de coco para alisar aqui no blog.

Proteção em cabelos mistos: essa dica vai especialmente para quem tem fios mistos, ou seja, cabelos com a raiz oleosa e pontas ressecadas. Se você tem esse tipo de fio sabe o que é ficar dividida entre a necessidade de lavar o cabelo todo dia por causa da raiz e de não querer sacrificar as pontas secas e fragilizadas com tantas lavagens.

Então a dica é muito simples e super funciona: aplique algumas gotas de óleo somente nas pontas, antes de entrar no banho. Assim o shampoo remove o óleo de coco e não a proteção das suas pontas. Siga sua rotina de lavagem normalmente e não esqueça de leave in só nas pontas depois de enxuto com a toalha.

-Eu fiz um post aqui só com dicas para cabelos mistos caso tenha perdido.

 

E por hoje é só!

 

Gostaram das dicas? Quem fizer outros usos do óleo, mesmo que não seja no cabelo, compartilha com a gente os comentários? 😉

Abaixo deixo o vídeo que gravei falando sobre o alisamento com óleo de coco e também mostrando como usar:

Artigos Relacionados

Categorias: cabelos, óleos, Produtos Testados Por Bia Munstein

img_10377

Minha irmã estava com esse reparador de pontas da Avon dando sopa e como vocês gostam de resenhas BBB resolvi comprar pra testar aqui pro blog.

A versão que escolhi foi a “Brilho Extremo” e me custou 9,99 na promoção. O valor dele normal é de 14,99, se não me engano, e  vem com 30ml.

 

Confere descrição do fabricante:

O Advance Techniques Bilho Extremo Fluído Restaurador de Pontas – 30ml recupera o brilho radiante dos cabelos com a ação da pró-vitamina B5 e da tecnologia multishine. Ajuda a eliminar as pontas duplas e a controlar o frizz. Proporciona instantaneamente mais brilho ao seu cabelo.

 

img_0366 Resenha: fluido restaurador de pontas Avon Brilho extremo Resenha: fluido restaurador de pontas Avon Brilho extremo

Eu uso assim: esses óleos da Avon são reparadores de pontas tradicionais, ou seja, devem ser aplicados no cabelo seco ou úmido, para finalização. Eles são específicos para as pontas, mas eu gosto de aplicar do meio para baixo. Também prefiro aplicar no cabelo seco! Uso um “pump pequeno” de produto para cada lado do cabelo (algo como uma ervilha de cada lado).

Resenha: fluido restaurador de pontas Avon Brilho extremoantes e depois da aplicação 

Resenha: fluido restaurador de pontas Avon Brilho extremo img_10381

O que eu achei: ele é transparente, o que pra mim, que tenho cabelos loiros já é meio caminho andado. A textura dele é “macia”, suave, é um produto leve, que não pesa os fios. O cheiro é típico dos produtos Avon, e me parece o mesmo desde que usei a primeira vez anos atrás: suave e adocicado, com toque “verde”.  Acho gostoso.

A marca tem várias versões de finalizadores iguais a esse, e esse meu tem a proposta “brilho extremo”. Realmente achei que ele confere mais brilho ao cabelos -vide foto de antes e depois- e também ajuda controlar aquelas pontas mais ásperas.

O cabelo também fica mais macio depois que aplica, mas como todo óleo finalizador o efeito some um pouco algum tempo depois da aplicação (o efeito melhor é sempre na hora que aplica, aposto que vocês já notaram). De todo modo considerei um “olinho” digníssimo! Deixa o cabelo soltinho, macio e com toque mais gostoso após o uso.

 

Não aposto muito que ele tenha “propriedades de tratamento”, mas o efeito de embelezamento é satisfatório!

 

Aprovado!

 

Onde encontrar: com revendedoras Avon. Pra quem for de Petrópolis deixo o Whatsapp da minha: (24) 99228-0141

 

Observação nada a ver com o post: esses batons mates do AliExpress também incham levemente a boca de vocês ou só a minha? rs

Artigos Relacionados

Categorias: cabelos, nutrição, óleos, Produtos Testados Por Bia Munstein

img_10448

Olá pessoal! Passaram bem o final de semana? Espero que sim 🙂

Hoje vamos falar de uma linha que já teve seu espaço aqui no blog, mas ficou faltando falar de um produto muito importante: o óleo!

Estou falando da linha Precious Nature da Alfaparf, versão long & Straight hair (cabelos longos e lisos). Meu cabelo não é liso natural, mas tudo que diz ser para cabelo liso me agrada muito! Ser pra cabelo longo também é interessante já que são fios fragilizados pela ação do tempo.

Veja descrição do fabricante:

Óleo nutritivo para cabelos longos e lisos. Alfaparf Precious Nature Prickly Pear & Orange Oil ajuda a controlar o frizz, aumenta o brilho e deixa o cabelo macio e com toque sedoso. Elaborado com ingredientes naturais, Alfaparf Precious Nature Prickly Pear & Orange Oil garante disciplina e nutrição sem deixar os fios pesados. Fórmula livre de parabenos, conservantes e corantes. Faz parte da linha de tratamento Precious Nature, da Alfaparf, que possui os óleos mais refinados da gastronomia italiana como inspiração. Ação Óleo de Figo da Índia: deixa os fios mais suaves e brilhantes. Extrato de Laranja: acentua o brilho da raiz às pontas.

img_0429 img_0423 img_0427

Como falei no início foi focar a resenha em texto no óleo porque já tivemos post resenha do shampoo e da máscara aqui, mas o resultado de toda linha é tão bom que resolvi gravar um vídeo de todos eles pro meu canal no Youtube porque lá ainda não havia falado deles. (postarei no final do post)

Eu usei assim: O modo de uso dele é bem interessante porque ele é focado na umectação e não na finalização (embora possa ser usado assim também). O recomendado é usar no cabelo seco, sujo, antes da lavagem, deixar agindo no mínimo 5 minutos -prefiro meia hora- e depois lavar e hidratar/condicionar normalmente.

img_10439-horz

O que eu achei: o resultado no cabelo usando o óleo, comparado ao resultado usando somente shampoo e máscara, é bem superior! O cabelo fica muito mais sedoso e soltinho. Aquele cabelo de salão mesmo! Testei usando com a própria linha, todos os produtos, e testei também com outra linha. Nos dois casos o resultado foi melhor com o óleo.

Como comentei no modo de usar ele também pode ser usado como finalizador. Só não recomendo em cabelo loiros por ele ter esse tom alaranjado (bem parecido com Moroccanoil e Orofluído, diga-se de passagem). Pra usar antes da lavagem não tem problema, mas pra deixar no cabelo, o uso a longo prazo pode prejudicar a cor do fio caso seu cabelo seja bem claro.

Falando sobre o óleo em si ele é bem grosso, tipo mel, e o cheiro é uma delicia! Ele é um óleo meio pesado, grosso, e por isso sua principal função é usar antes da lavagem como uma umectação, mas em cabelos muitos secos ele é excelente para finalização.

Gostei muito! <3

Onde encontrar: tem aqui na Beleza na Web, toda gama Precious Nature.

confere o vídeo:

Artigos Relacionados

Categorias: cabelos, nutrição, oleo vegetal, óleos Por Bia Munstein

Oleo de coco para alisar os fios de forma natural

E depois de 6 meses cá estou para contar como foi minha experiencia com óleo de coco para alisar os cabelos!

Vocês me cobraram muito a atualização desse post, mas eu realmente queria esperar os 6 meses, que é o tempo mínimo de tratamento, para dizer o que eu achei.

Vamos lá…

Pra quem perdeu o post inicial vou explicar rapidamente porque acredita-se que o óleo de coco tem o poder de alisar os fios com o uso prolongado:

Sem-Título-1

O motivo principal seria ele conter lisina. Um aminoácido capaz de alisar a estrutura do fio de forma muito gradativa e lenta. Mas apesar da lisina ser a principal causa do alisamento o óleo de coco não para por aí.

Por ele ser altamente nutritivo também ajuda e muito na recuperação dos danos do cabelo, deixando o fio mais saudável, sem frizz, e consequentemente mais liso. Lembra de eu sempre repetir que cabelo ressecado não fica liso? (ou pelo menos não segura a forma por muito tempo), então, um cabelo bem nutrido é o primeiro passo para um liso perfeito.

Outro grande benefício do óleo de coco para o cabelo é ele ser antibacteriano e ajudar no controle da caspa. Um bulbo capilar entupido não tem crescimento saudável.

IMG_9916

 

Pra saber mais sobre o assunto e modo de uso é só acessar o post completinho que fiz sobre isso aqui.

 

Mas e aí, funcionou ou não? Eu tentei usar o óleo toda noite anterior a minha lavagem, lavando no dia seguinte. Primeiro eu comecei usando uma quantidade grande, meio que encharcando o cabelo de óleo e isso não funcionou pra mim. Primeiro porque é muito difícil tirar todo aquele excesso de óleo no dia seguinte e segundo porque lavar o cabelo 3-4 vezes com shampoo jamais será uma boa ideia.

Então comecei fazer uso como uma umectação normal, aplicando uma quantidade menor de produto e caprichando mais do meio para as pontas.

No início não senti muita diferença, até que um dia minha irmã me falou que meu cabelo estava com a aparência muito melhor. Como ela convive comigo a vida toda, mas não me vê todos os dias, logo atribuí o efeito ao óleo de coco (como a gente se olha todo dia acaba não notando bem as coisas).

Então concluo que o cabelo melhorou sim em termos de hidratação, maciez, brilho e aparência de cabelo tratado, porém não senti qualquer efeito de alisamento nos fios!

Resumindo a novela continuo vendo o óleo de coco como um aliado maravilhoso para nutrição, agora alisar o cabelo ele não alisa (pelo menos não o meu). A não ser aquele alinhamento de cutícula, provocado pelo tratamento que o óleo proporciona, e confere um efeito de redução de frizz nos fios dando impressão de fios mais lisos (que na verdade só estão menos rebeldes).

 

Mas não pararei de usar por isso! O tratamento em si vale super a pena e vou continuar fazendo. Caso eu mude de opinião volto pra contar 😉

 

Onde encontrar o óleo de coco puro?  O óleo puro você encontra em casa de produtos naturais, como Mundo Verde, Via verde, etc… na embalagem vai estar escrito “100% vegetal ou puro”. Não importa se estiver escrito que é para dieta, emagrecimento, culinária… sendo puro é tudo o mesmo óleo. E ele pode estar liquido transparente ou assim em pasta como o meu, isso vai da temperatura! No frio ele fica durinho mesmo. O meu comprei liquido e no dia seguinte estava assim. Pra quem tiver dificuldade em encontrar tem várias opções aqui nas Lojas Americanas a partir de 20 reais (só colocar oleo + coco na busca).
Pra quem não viu eu já gravei um passo a passo de aplicação e lavagem do óleo de coco:

 

Artigos Relacionados

"Dedico o trabalho neste blog, assim como toda a minha vida ao nosso Senhor e Salvador Jesus Cristo, que vive e Reina para todo o sempre. Amém!"