09 dezembro 2019

Inoar Resistence FLOR DE LOTUS Resenha e video aplicação (+ comparativo com a fibra de Bambu)

Categorias: cabelos, Produtos Testados

Vocês se lembram que testei e contei aqui no blog que AMEI a nova máscara da Inoar fibra de Bambu, né? Ela faz parte da linha Resistence da marca que tem também a versão Flor de Lótus.

Logo na época eu disse que queria muito testar essa da embalagem rosa, então cá está a resenha! Claro que aproveitando que testei a verde também teremos um breve comparativo pra te ajudar na escolha.

Descrição do fabricante:

Máscara para cabelos enfraquecidos em tamanho salão. Inoar Résistance Flor de Lótus Máscara faz uma regeneração completa que revitaliza e traz maciez aos fios.
Máscara Résistance Flor de Lótus, da Inoar, repara intensamente a fibra capilar para resgatar seu aspecto saudável e maleável. A fórmula hidrata profundamente para que o cabelo volte a ter brilho, maciez e movimento.

Modo de usar: Após lavar os cabelos com shampoo, aplique a máscara no comprimento e pontas, massageando mecha a mecha. Aguarde 3 minutos. Enxágue.

O que eu achei: a Inoar mandou muito nessa nova linha Resistence que vem com um quilo de máscara e custa tão barato!

Ambas são máscaras brancas e super cheirosas e tem a  proposta de fortalecer os fios (dai no nome resistence).

A versão Fibra de Bambu tem obviamente o Bambu, com propriedades hidratantes, nutritivas e protetoras que regeneram a estrutura da fibra capilar. E Biotina que é uma vitamina que proporciona o crescimento e fortalecimento.

A versão Flor de Lótus tem a flor de lótus, que é revitalizante, trazendo brilho e maciez aos fios e colágeno Vegetal que ajuda a encorpar os fios e a melhorar sua resistência.

Todas duas tem fórmula vegana e botânica. Livre de petrolatos e corantes. Não testado em animais.

E no cabelo? Bom, achei as duas muito boas. Ambas tem uma pegada de reconstrução e me pareceram mais hidratantes do que nutritvas, MAS no meu cabelo que é bem ressecado, poroso e necessitado eu gostei mais do efeito da Fibra de Bambu! Ela conseguiu deixar o cabelo mais hidratado -parece que a Flor de Lotus seria mais leve- e a fibra de bambu também deixou mais macio e com mais brilho.

A Flor de Lotus também é boa, tem muitas avaliações positivas pra ela no site, mas eu recomendaria ela mais para cabelos lisos a ondulados que estão com danos, mas não podem ficar pesado.

A Fibra de bambu eu recomendo para fios mais secos e quimicamente tratados.

 

Onde encontrar: toda linha é vendida aqui e o preço é ótimo.

 

Agora vamos de vídeo? Caso não abra é só clicar aqui.

 

05 dezembro 2019

Resenha: Bioderma Hydrabio H2O | Água Micelar Facial

Categorias: Maquiagem, Pele

Testei a água micelar da Bioderna na versão Hydrabio H2O, que promete sua pele purificada, hidratada, equilibrada e com sensação muito confortável.

Eu tenho a Sensbio também -da tampa rosa- então vou explicar a diferença entre as duas.

A minha Hydrabio é a versão de 250ml e custa 56 reais (na promoção) por esse link aqui.

O fabricante descreve assim: 

Água micelar facial para peles ressecadas e sensíveis. Bioderma Hydrabio H2O Água Micelar limpa e purifica gentilmente, enquanto hidrata. Envolve a pele para proporcionar conforto e leveza, sem comprometer a higienização. Bioderma Hydrabio H2O Água Micelar possui micelas, moléculas que capturam todas as impurezas da pele sem comprometer seu equilíbrio e sem agredir. Sua fórmula ainda ativa a capacidade natural da pele de reter água, para um efeito hidratante.

 

Modo de usar:  Molhe um pedaço de algodão cm a água micelar e leve ao rosto. Limpe a pele com movimentos de dentro para fora, até remover completamente as impurezas.  Não é necessário enxaguar.

Eu uso assim: eu sou meio louca com essa coisa de passar algodão no rosto. Me dá gastura, rs! Frescura minha mesmo... aí sabe o que eu faço as vezes? Coloco a água micelar na mão, como se fosse um sabonete liquido, e esfrego no rosto, como se estivesse lavando. Depois enxáguo!

Eu tenho meu modo louco de usar as coisas, mas já testei passar o algodão após isso, pra ver se realmente removia e sim, a pele estava limpa! Claro que isso só vale pra makes mais leves do dia a dia. E o certo é remover com algodão mesmo.

Na descrição do produto, também vem escrito que ele possuiu:
  • Extrato de Sementes de Maçã, que ajudam a atrair a água para a epiderme.
  • Vitamina PP/B3, que estimula a firmeza da pele e aspecto mais jovem no geral.
  • Extrato de Pepino, para proporcionar uma textura e toque suaves.
  • Glicerina, que hidrata intensamente a pele.
  • Fórmula hipoalergênica, testada contra alergias e não-comedogênica.
  • Livre de parabenos.

Remoção feita com a Hydrabio Bioderma

O que eu achei:  falando de modo geral a água micelar da Bioderma é uma das melhores, se não for a melhor água micelar do mercado... Ela dá um conforto na pele que só sinto com ela. Não sei explicar bem.

 

Qual a diferente da água micelar da tampa azul para a de tampa rosa? A azul é a Hydrabio e a tampa rosa é a Sensibio. Apesar do nome as duas são indicadas até para peles sensíveis! Basicamente a Hidrabio seria para peles secas ou com tendencia ao ressecamento, enquanto a Sensibio seria para as peles com tendência a oleosidade.

Isso na teoria, porque na prática as duas são ótimas para mim, mesmo minha pele sendo oleosa.

Eu sinto a Hydrabio (azul) levemente mais hidratante mesmo, mas não é de modo algum oleosa. Ela deixa a pele mais macia e confortável, então acho ótima pra usar antes de dormir.

A pele não amanhece mais oleosa por conta dela nem nada.

Amo as duas!

Onde encontrar:  encontrei online com melhor preço aqui.

04 dezembro 2019

Roacutan: 10 meses de tratamento (espinhas, ressecamento, etc)

Categorias: Acne, Pele

Finalmente o post do Roacutan está no ar! Na verdade do Roacutan não, porque eu tomo o genérico! O post da isotretinoína, rs.

Cerca de 8 meses de tratamento se passaram e eu compartilhei minha experiência ao longo desse tempo no vídeo de hoje.

Eu sofria com espinhas persistentes nas laterais do pescoço, no colo e principalmente com as espinhas nas costas.

Tinha tentado vários tratamentos alternativos ao Roacutan, incluindo cosméticos, ácidos e até tetraciclina. Então apesar de eu não ter aquelas espinhas cabulosas no rosto que vemos por aí, para acabar com elas não me restou opção além do Roacutan.

Pra quem perdeu o post com início do tratamento, onde expliquie tudo isso e mais um pouco está aqui no blog.

minhas espinhas antes do Roacutan

Tomando isotretinoína (genérico do Roacutan) foto sem edição!

Hoje em dia essa área aí da foto não tem uma espinha pra contar história! Mas isso com um mês de tratamento já estava limpo, se não me engano.

No vídeo eu conto como tem sido a experiência ao longo desses quase 10 meses (passaram voando) e o que mudou na minha pele.

Como falei no vídeo eu demorei tanto pra gravar porque eu estava tomando anticoncepcional -Belara- e ele é conhecido por ajudar a tratar a pele, então eu sempre ficava na dúvida se era ele ou o Roacutan que tinha acabado com as espinhas. Mas felizmente mesmo parando o anticoncepcional as espinhas não voltaram. -eu coloquei DIU de cobre para abandonar de vez os hormônios há quase 3 meses-.

Sigo tomando o Roacutan de 20mg duas vezes na semana (eu tomo dose mínima ou de beleza como chamam, porque meu caso não era grave, apenas persistente). E tenho gostado muito dos resultados!

Não sei quanto tempo vou ter que tomar. A princípio era um ano e meio, mas podendo ser aumentado pelo fato da dose ser muito baixa.

Aliás a desvantagem da dose muito baixa é isso, você não sofre quase nada com efeitos colaterais, mas o tratamento pode ser bem longo... outro ponto é que se ficar sem tomar um semana as espinhas já ameaçam voltar. 🙁

Mas vamos ao vídeo? Nele eu explico bem mais coisas! Caso não abra é só clicar aqui.