Categorias: cabelos Por Bia Munstein
mão-e-creme

Quem faz confusão na hora de escolher?

Eu também não conseguia perceber a diferença entre elas e até hoje me confundo as vezes, mas preciso dizer que não me prendo muito nessa divisão. Principalmente entre hidratantes e nutritivas. Acho que no fim o que importa mesmo é o resultado que elas proporcionam nos fios, mas claro que saber identificar um tratamento reconstrutor, por exemplo, tem seu valor.

Então vou mostrar pra vocês como eu separo as minhas. Bora conferir?

Nutritivas: São aquelas que são a base de óleos! Ou seja, já na descrição do produto você encontra o nome de óleos ou manteigas (argan, macadâmia, karité, oliva, etc). Mesmo que o fabricante diga que ela vai reconstruir seu cabelo se ela for assim, a base de óleos, é nutritiva. Elas deixam o cabelo mais encorpado, semelhante a uma reconstrução só que mais macios.

Minha preferida para nutrição é a Joico Moisture Recovery que já fiz resenha aqui.
———————————————————————————–

Reconstrutora: Essa, como eu disse, é realmente interessante você saber diferenciar! Afinal só quem precisa de reconstrução é quem tem cabelos danificados (seja por químicas ou stress do dia a dia). Basicamente são reconstrutoras as máscaras que possuem queratina na fórmula, mas a queratina não pode ser o último ingrediente da lista porque significa que não tem quase nada do ativo (isso até as hidratantes podem ter) o bom é que a queratina (keratin, hydrolyzed keratin) esteja logo no início da fórmula. A promessa principal do produto tem que ser a reconstrução ou a resposição de massa e a indicação deve ser para cabelos danificados e/ou com química. Claro que nem só de queratina são feitas as máscaras reconstrutoras, mas no fim das contas o que realmente ajuda um cabelo muito danificado é ela.

Minhas preferidas são a Penetraitt (resenha aqui) e a Repair Rescue Schwazrkopf ( resenha aqui).
————————————————————————————

Hidratante: Essa é mais chatinha de separar e eu faço por eliminação. Ela é responsável por atrair e reter  água dentro dos fios, impedindo que ela evapore, mas as nutritivas também fazem esse papel já que o óleo forma uma barreira impedindo a evaporação da água. A hidratante, além de hidratar, ajudam o cabelos ficar mais brilhante, sedoso e macio (costumam deixar o cabelo mais gostoso ao toque do que as nutritivas). Normalmente são compostas por ceramidas (lipídio), aloe vera, D-pantenol, vitaminas, proteína da seda, gérmem de trigo, e óleos em menor quantidade (sim, quase sempre tem óleos, mas não são o principal ativo).

De toda forma, eu separo assim: se não tiver queratina, não for a base de óleos (não tiver óleo no nome e os óleos não forem o principal ativo da máscara) é hidratante.
Minhas preferidas no momento são a Smooth perfect e a Force Relax.
————————————————————————————–

Eu acho que a grande dificuldade em saber diferenciar as máscaras é que não é raro ver o fabricante descrevendo seu produto mais ou menos assim: “máscara altamente nutritiva que reconstrói e hidrata os fios danificados e secos” praticamente atirando pra todos os lados. Mas não é desespero do fabricante não, é porque as máscaras são realmente um pouco de tudo! O que difere é onde ela atua mais, aí a gente pode separar como eu expliquei acima.

É isso!

O que acham de cada uma deixar suas preferidas de cada categoria -ou da categoria que quiser- nos comentários? Assim ajudam outras meninas e me ajudam escolher produtos para as próximas resenhas 😉



Artigos Relacionados

Mariane Ourique

10 de junho de 2016 - 20:33

Oi Bia, tudo bem? Não conhecia seu blog e to adorando.. mas ainda me resta algumas dúvidas.. meu cabelo é bem fino, com luzes e está pedindo socorro rs bem ressecado! estou querendo comprar algumas máscaras da lola porque elas são no/low poo e algumas internacionais como a da joico k-pak ou essa da Swcharzkopf que você indicou… qual vc acha que vale mais a pena em relação à reconstrução?

Bia Munstein

14 de junho de 2016 - 10:55

reconstrução né? mostrei minhas preferidas aqui: https://www.euvouderosa.com/2016/01/top-5-mascaras-reconstrutoras-preferidas-2016.html
essas são as que mais indico! se não era isso me fala 😉
bjos

Carol

15 de Maio de 2016 - 16:39

Bia, amei o post! Meu cabelo virgem, liso, muito fino e oleoso (preciso lavar quase diariamente). Mas ele esta com o aspecto de cabelo com química, pois sofro muito com a queda e sempre tem fios novos nascendo e fios maiorzinhos também, o que da ao cabelo o aspecto de quebrado. Sofro muito com isso pois procuro sempre cuidar dele da melhor forma possível.
Atualmente estou intercalando as mascaras absolut repair, joico moisture recovery e sillicon mix bambu. Todas dao resultados muito bons no meu cabelo (e duram muito, pq uso bem pouco senao pesa demais). Quais voce poderia me recomendar para cabelos finos mas que precisam de forca? Obrigada!

Bia Munstein

16 de Maio de 2016 - 11:25

acho que vc usa bons produtos! já tentou o óleo de ricino? coloca na busca aqui do blog pra vc ver os beneficios

Tatiane

10 de Abril de 2016 - 11:13

Bia, por favor, me ajude classificar quanto as etapas do cronograma capilar, as máscaras que tenho nesse momento:
– Absolut Repair Cortex Lipidium Loreal
– Absolut Repair Pós Química Loreal
– Banho de Verniz Forever Liss

Já vi resenhas suas de todas, mas vc poderiame esclarecer a função de cada uma, hidratação, nutrição ou reconstrução???
Desde já agradeço!

Bia Munstein

11 de Abril de 2016 - 10:15

flor as máscaras nunca são somente uma coisa tá? E eu não sou muito presa a classificação como sempre falo aqui no blog (só separo as mais reconstrutoras mesmo). Mas tentarei te ajudar:
– Absolut Repair Cortex Lipidium Loreal/ reconstrução
– Absolut Repair Pós Química Loreal/ reconstrução
– Banho de Verniz Forever Liss/ hidratação, porém é bem leve

vc precisa de algo mais nutritivo para intercalar as reconstruções, para seu cabelo não ficar rígido, pode ser até uma umectação com óleo 100% vegetal.
bjos

Tatiane

11 de Abril de 2016 - 17:07

Bia, primeiro, obrigada pelo retorno.
A Banho de Verniz, nas resenhas geralmente, as pessoas a consideram como nutrição?
Então poderei usa-la nos dias da hidratação? Quanto a ser leve, vc se refere a baixa concentração? A q se refere no caso, vc acha que ela dará conta de hidratar, conforme resultado esperado de um cronograma?
Vc poderia me indicar uma boa nutrição, por gentileza.

Bia Munstein

14 de Abril de 2016 - 11:25

flor eu a considero como hidratação, pelo resultado que da nos fios. e ela é leve porque não é para cabelos muito secos ou ressecados. ela é mais para brilho mesmo.
postei minhas preferidas de nutrição ontem, vc viu?
bjos

Djamayna Oliveira

6 de Abril de 2016 - 19:02

Bia me ajuda, acho q fiz uma pequena confusão. Confere para mim por favor. Comprei a Inner restore para hidratação, force relax para nutrição e Care Line vital Nutrition como reparação. Force relax e nutrição ou hidratação?

Bia Munstein

7 de Abril de 2016 - 11:55

comprou muito bem! a force é hidratante sim, claro que ela também é um pouco nutritiva, como a maioria das hidratações (pode ver que todas terão algum óleo) já a inner é levemente reconstrutora, então não faça aplicação de inner seguida de Keune, sempre coloque a force no meio. tipo: inner-force-keune-force-inner-keune
bjos

Djamayna Oliveira

9 de Abril de 2016 - 12:18

Muito obrigada! Agora sei q estou usando certinho

Camila Castro

4 de Abril de 2016 - 10:51

Bia, mas como identificar quando o cabelo está precisando de cada uma delas?

Bia Munstein

4 de Abril de 2016 - 12:19

"Dedico o trabalho neste blog, assim como toda a minha vida, ao nosso Senhor e Salvador Jesus Cristo, que vive e Reina para todo o sempre. Amém!"