Categorias: off-topic Por Bia Munstein

Eu fiquei chocada ao ver que um dos posts mais lidos aqui do blog é sobre meu anticoncepcional Cerazette!

Recebo muuuitas perguntas sobre ele, então me senti na obrigação de dizer que troquei de anticoncepcional! 

Eu não queria voltar a menstruar então optei por outro que também suspende a menstruação: Tâmisa 30 sem parar.

Na verdade eu fui trocar pelo Gestinol, mas não estava achando e quando descobri que o Tâmisa 30 sem parar era a mesma fórmula optei por ele, até porque já tomei Tâmisa  uns anos atrás e me dava bem.

Porque parei de tomar o Cerazzette?

O Cerazette é ótimo em vários quesitos! Ele só tem um hormônio -progesterona- então causa bem poucos efeitos colaterais, MAS ele dá muita espinha! Eu convivi com elas por anos, tinha muitas nas costas e no peito, porém ultimamente estava bem cansada da pele toda manchada e ter que ficar escondendo.

Esse foi o motivo principal!

Outro motivo foi que ele diminuiu minhas medidas onde não achei tão legal… busto e bumbum! Como ele não tem estrogênio, caso você tomasse um remédio com esse hormônio antes, tomando o Cerazette é bem provável que vá dar uma murchada. Mas confesso que isso não foi decisivo para troca, pelo menos não para mim.

-ele só reduz se seu aumento tiver sido causado pelo anticoncepcional antigo! Se for natural que eu saiba não muda. Mas quase toda mulher que toma anticoncepcional “comum”, com hormônios combinados, tem esse aumento.

E como está sendo com o Tâmisa 30 sem parar?

Ele vem com a mesma quantidade de comprimidos -28- e deve ser tomado do mesmo jeito: todo dia no mesmo horário. Como ele suspende a menstruação é importante tomar rigorosamente no mesmo horário para não ficar tendo “escapes” durante o mês. Isso vale para todos dessa categoria.

Já estou tomando há 4 meses. No primeiro mês tive enjoo, mas foram poucos dias.

Tive muito escape de menstruação nos primeiros 3 meses, o que é super normal e varia de pessoa para pessoa. É um saco, mas também tive com Cerazette no início -e sempre que tomava fora de hora-.

Agora os escapes estão bem mais raros, e repito que tomar no horário certo é decisivo para isso. Eu ponho até o celular para despertar as 10 da noite todo dia pra não atrasar.  A ginecologista me ensinou um truque pra interromper o escape: parar de tomar o remédio por 3 dias!

Eu testei e o que acontece é que a menstruação desce um pouco mais forte e acaba. Mas isso é para fazer só quando o escape for constante e não parar sozinho. Até porque não sei como fica a prevenção de gravidez com isso (ela não falou nada e não pensei em perguntar na hora). Pelo sim pelo não eu me preveniria de outro modo nos primeiros 7 dias.

E sobre as espinhas? Sumiram 50% já no primeiro mês! Mas não limpou como eu imaginei… até agora ainda tenho espinhas nas costas e no colo, então sigo com meus tratamentos para acne que sempre falo aqui no blog. Mas melhorou muito! Até agora já foi uns 60-70% de melhora e não fica mais aquela coisa nojenta e toda inflamada nas costas.

Por fim a pergunta que não quer calar: engorda? Eu acho -e falo por experiência própria- que o anticoncepcional com dois hormônios, como é o caso de 90% deles incluindo o Tamisa e o Gestinol, tem mais chance de engordar do que o com um hormônio só, como é o caso de Cerazette. Na verdade acho que aumenta a retenção de líquido.

Eu nunca engordei com o Cerazette, já com o Tamisa acho que só pelo fato dele já ter aumentado meus seios uns 2cm já mostra que pelo menos uma coisa mínima ele “me engordou”. Mas nunca achei que eles engordassem mesmo, é aquela coisa de você aumentar um quilinho pela retenção de líquido e só. Não fica aumentando o peso constantemente.

E foi isso! Até o momento estou satisfeita!

Pra quem ficou curiosa com o Cerazette contei tudo sobre ele aqui.



Artigos Relacionados

Manuella

4 de Janeiro de 2018 - 15:27

Pior coisa que eu fiz na minha vida foi tomar anticoncepcional contínuo durante cinco anos. Fez um estrago gigante nos meus hormônios, autoestima, vida amorosa… enfim, foi TUDO pro saco! Só percebi que tinha perdido 5 anos da minha vida (que parecia que eu estava anestesiada, sem sentir mais emoção! E achava que isso era normal…) depois que parei de tomar. Senti a “vida” voltando em mim, não tenho explicação. Pele e cabelo viraram um poço de óleo? Sim! Mas NADA me faria voltar a tomar, me sinto livre. Mas como disse, EU me senti assim, cada pessoa é única, e se pra mim foi um pesadelo pra outras pessas pode ser ok viver lotada de hormônios. Sempre fiz tudo com acompanhamento médico e fui apoiada pela ginecologista a parar! Só achei que deveria alertar, pois já dizia vovó “quem avisa amigo é”. Bjss

Bia Munstein

4 de Janeiro de 2018 - 18:38

Muito bom seu relato pra outras pessoas que tbm se sentem mal! Mas tem pessoas que precisam tomar… eu vivo dividida! Bem não faz, todo mundo sabe, mas as vezes e um mal necessário 🙁 eu tenho uma tpm terrível que estraga metade do meu mês se não tomar e risco de endometriose

Lilian

12 de Janeiro de 2018 - 11:19

Bia, segue Dr. Barakat no instagram. Ele explica (muito!!)melhor sobre o anticoncepcional e como resolver seu problema de TPM e risco de endometriose.

Bia Munstein

12 de Janeiro de 2018 - 11:41

Obrigada pela dica! Vou procurar lá

Danielle

4 de Janeiro de 2018 - 13:57

Bia lembro de vc falar em um vídeo que pretendia ter filhos, vc mudou de ideia?
Se não quando teremos um baby seu? ❤️

Bia Munstein

4 de Janeiro de 2018 - 15:10

ahahah mudei não! Só não me sinto preparada ainda 🙂 to terminando a faculdade tbm

Nicole

5 de Janeiro de 2018 - 13:22

que interessante!!!vc faz faculdade de que Bia?

Bia Munstein

8 de Janeiro de 2018 - 10:29

Faço marketing digital 🙂

Letícia Pereira

4 de Janeiro de 2018 - 13:14

Esse aí de não descer a menstruação não faz mal não ? Sempre quis , mas sempre achei que fizesse mal não descer , afinal acho que o certo é descer né

Bia Munstein

4 de Janeiro de 2018 - 15:11

Não faz mal não! Varios ginecologistas falam que faz até bem! Protege da endometriose

Patrícia

4 de Janeiro de 2018 - 12:04

Eu também tomava Cerazette e troquei por causa da espinhas 🙁

Sueli Santina de Melo Macena

4 de Janeiro de 2018 - 10:47

Bia, você pensa em ter filhos?

Bia Munstein

4 de Janeiro de 2018 - 12:05

Penso sim 🙂

"Dedico o trabalho neste blog, assim como toda a minha vida, ao nosso Senhor e Salvador Jesus Cristo, que vive e Reina para todo o sempre. Amém!"